[Entrevista] Conheça os desenhos da artista Amanda Pierantoni

PRA PENSAR ·

Tivemos o prazer de conhecer a artista Amanda Pierantoni, criadora de desenhos super coloridos, com uma expressão única! Ela nos contou um pouco sobre seu processo de criação dos desenhos, suas inspirações e a trilha sonora de sua arte! Dá uma olhada!

interna

 

Aspas-01_rosa A música me ajuda muito a desligar do mundo de fora e estar só ali no desenho.Aspas-02_rosa

– Amanda Pierantoni

Radio Ibiza: Quando você começou a desenhar?

Amanda: Comecei a desenhar desde que me entendo por gente, mas comecei a levar mais a sério o desenho no ensino médio. O meu desenho antigamente era muito diferente do que é hoje, eu gostava de desenhar rostos de pessoas, hiperrealista, com muito detalhe e, hoje em dia, desenho de uma forma completamente diferente, desenhos mais simples, divertidos, infantis.

Meu desenho era muito sério, era só grafite. Eu tinha medo de usar cor, o que é engraçado porque hoje em dia meu desenho é super colorido.

Radio Ibiza: Por que você mudou seu estilo de ilustração?

Amanda: Comecei a perceber que eu me divertia mais desenhando o estilo que faço agora, mais cartoon, mais desenho infantil, e aí larguei o desenho cinza e detalhado para algo mais criativo.

Radio Ibiza: Você já fez aula de desenho?

Amanda: Nunca fiz aula mas na faculdade fiz uma matéria muito interessante com o professor e artista Mateu Velasco. A aula estimula a criatividade e o Mateu mostra bastante o processo dele nos trabalhos, o que é inspirador.

Radio Ibiza: Você tem algum método de criação dos desenhos?

Amanda: Vejo muita inspiração no Pinterest e no Instagram, estou sempre colhendo informações. Muitas vezes surgem ideias antes de dormir, ou sonho com alguma coisa e vou desenhar.

Sempre começo desenhando no papel com lápis e borracha, depois passo para o computador e faço as modificações necessárias, composição, proporções, e aí pinto pelo photoshop, ou à mão, mas prefiro pintar digitalmente mesmo.

Radio Ibiza: Você tem alguma inspiração?

Amanda: Adoro os artistas Dinara Mirtalipova, a Madalina Andronic e o Mark Conlan. Artistas clássicos eu adoro o trabalho da Frida Kahlo, Van Gogh e o Basquiat.

Radio Ibiza: Você costuma ouvir música enquanto desenha?

Amanda: Bastante. Vou de um polo ao outro, ou estou escutando indie/folk, músicas super calmas, ou estou escutando músicas eletrônicas bem altas! A música me ajuda muito a desligar do mundo de fora e estar só ali no desenho. Como prefiro trabalhar à noite, sinto que o silêncio suga a criatividade, então preciso de música.

Quando estou fazendo o sketch do desenho, tendo a ouvir músicas mais calmas, porque preciso pensar melhor. Quando estou colorindo, prefiro ouvir músicas mais animadas, porque são gestos mais soltos, não precisa de tanta precisão. Se estou ouvindo uma música que não gosto, não vou conseguir trabalhar.

Radio Ibiza: Que músicas te inspiram?

Amanda: Músicas com sentimento me inspiram, Nina Simone, por exemplo. Ela canta músicas com muita personalidade, de uma forma muito humana, isso me ajuda bastante a desenhar. Também adoro desenhar ouvindo Beirut, The Paper Kites, Leon Bridges e Durand Jones & The Indications.

Radio Ibiza: Qual seu desenho favorito?

Amanda: O “Macacos nas Águas Termais”, acho eles bem expressivos. Lembro que eu estava ouvindo trilha sonora de filmes de animação oriental, já que a inspiração do desenho foram os macacos do Japão, busquei inspiração musical nas animações japonesas.

Essa trilha sonora cria uma narrativa então me estimula a criar uma narrativa no desenho.

interna_amanda

Radio Ibiza: Qual ramo da ilustração você mais se interessa?

Amanda: Ainda não tenho certeza, mas tendo muito a estamparia e moda. Mas adoro a ideia de trabalhar com ilustração de livros infantis.

Hoje estou no caminho da ilustração, é o que eu quero trabalhar, mas sinto que a arte vai estar pra sempre na minha vida. Quando estamos criando, estamos exercitando a mente e aprendendo muito também.

carregando