5 exposições imperdíveis para curtir o Dia Internacional dos Museus

PRA DESTACAR ·

Não faltam exposições no Rio e São Paulo pra aproveitar o dia

Hoje (18.05) é Dia Internacional dos Museus! E não faltam eventos culturais imperdíveis no Rio e em São Paulo pra quem quer curtir esse dia do melhor jeito. Fizemos, então, uma lista de exposições que estão em cartaz pelas cidades.

Vem conferir e explorar um pouco mais do conteúdo cultural:

O FILE traz a mostra onde artistas nacionais e internacionais se reúnem em criações que compartilham o digital e o tecnológico. Como ocorre a criação artística em uma época disruptiva? Como as obras se comunicam com a sociedade contemporânea? A exposição pretende alavancar essas questões e instigar o público diante destas novas formas de ver, pensar e interagir com a arte e as mídias tecnológicas.

Funcionamento: de quarta a segunda, das 9h às 21 horas

interna_expo_primeira

A exposição traz ao CCBB pela primeira vez um grande e essencial panorama da arte contemporânea do continente e da identidade da África moderna, marcada por uma diversidade de encontros culturais e interações, por processos de intercâmbio e aculturações, através da recente produção de 18 artistas, vindos de 8 países africanos.

Funcionamento: de quarta a segunda, das 9h às 21 horas

interna_expo_africa

o Instituto Tomie Ohtake e o Centre Pompidou realizam uma “exposição-escola” com obras-primas de 20 dos maiores artistas modernistas do Brasil e do mundo. O novo formato pretende oferecer uma experiência em que o público possa se aproximar ainda mais dos trabalhos, de seus respectivos autores e do movimento histórico.

Funcionamento: Terça a domingo das 11h às 20h

interna_expo_tomie

Baseada em Inteligência Artificial, a IRIS+ permite ao visitante aprofundar sua experiência no Museu do Amanhã. O assistente cognitivo construído com IBM Watson – plataforma de Inteligência Artificial para negócios – foi desenvolvido para encorajar o visitante a pensar sobre seu papel na sociedade e a agir para um amanhã mais consciente, tolerante e sustentável.

Funcionamento: Terça a Domingo das 10h às 18h

interna_expo_iris

Conhecido por explorar as conexões entre África e América, o artista baiano Ayrson Heráclito expõe dois vídeos no Masp que discutem a escravidão no século XVI. Ambos retratam o ritual de sacudimento —cerimônia do candomblé feita para afastar espíritos do ambiente doméstico.

Funcionamento: Terça, quarta e sexta a domingo: 10h às 17h30. Quinta: 10h às 19h30.

interna_expo_ultimo

carregando