Documentário de Gaga relata os bastidores do álbum Joanne

DA GRINGA ·

O documentário de Lady Gaga na Netflix é chamado Gaga: Five Foot Two. É um olhar intimista sobre a gravação e lançamento do seu quinto álbum Joanne.

Nele, é mostrado uma nova versão de Gaga quando se tornou mais real, transparente e mais natural. Antes Gaga era um personagem. Fantasias e máscaras eram sua identidade e a forma dela chamar atenção e entreter. Agora seu figurino se tornou uma camisa preta e short jeans. Ela se tornou simples, mais autentica e muito mais vulnerável. O documentário retrata sua ruptura com seu passado e sua dificuldade em aceitar quem ela foi um dia.

Esse é o primeiro álbum dela sem máscaras. Ela é Gaga. Nua e crua. Fiel a quem ela era desde o começo. Fiel as suas raízes familiares e a quem ela era na infância. O álbum tem o nome Joanne” em homenagem a sua tia, uma pintora e poeta que morreu aos 19 anos por causa de Lupus. A criação acabou sendo uma carta de amor escrita para sua família italiana.

interna-gaga

Sua vulnerabilidade é retratada especialmente através de seu sofrimento e luta contra sua doença fibromialgia.

Ao longo desse período de oito meses, é registrado momentos como a filmagem de seu videoclipe “Perfect Illusion”, a preparação para sua apresentação no Super Bowl, gravações em seu estúdio e a divulgação de Joanne.

Gaga acabou se aproximando de seu público ao se tornar uma pessoa comum. Ela começa a andar nas ruas sem usar tantos acessórios e coberturas. A cena mais comovente do documentário é quando ela sai pela primeira vez com o rosto limpo. Lá fora encontrava-se milhões de paparazzis aguardando ansiosamente sua saída. Lady gaga até divulga seu CD visitando um Walmart e tirando fotos com seus fãs. Quem diria que Lady Gaga se tornaria um dia apenas Gaga com questões muito parecidas com os nossas.

carregando